Onda de assaltos em escolas públicas será debatida com Secretaria de Educação

O deputado estadual Sidney Leite disse em plenário dessa quinta-feira (1), que a onda de constantes assaltos e furtos em escolas da rede pública estadual será debatida entre a Comissão de Educação da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam) e a Secretaria de Estado da Educação (Seduc), com o intuito de buscar uma solução para o problema. A pauta da insegurança nas escolas deve ocorrer ainda este mês, segundo o parlamentar. As estatísticas da Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM) apontam que, entre janeiro de 2016 até o presente momento, foram registrados mais de 1.000 casos de roubos e furtos em escolas públicas só da capital. Mas o mesmo problema também é recorrente no interior, de acordo com o deputado, há uma necessidade emergencial na contratação de guardas tanto para proteger o patrimônio público, quanto para contribuir com a segurança dos alunos e funcionários. “Em todos os municípios que visito há reclamações de assalto e furtos nas escolas públicas. Imagina você sair de casa para trabalhar ou levar seu filho para estudar e nesse lugar não ter segurança”, comentou Sidney. O parlamentar, que também é presidente da Comissão de Educação, disse que irá provocar o Estado para que tome medidas emergenciais sobre a questão da segurança nas escolas. “Tem que investir em tecnologia, mas tem determinadas escolas que não dá para abrir mão da guarda”, reforçou. Sidney garantiu que a Comissão de Educação estará promovendo um debate juntamente com a Seduc para avaliar em caráter de prioridade, que medidas serão adotadas para conter a onda de violência nas escolas.

Deixe uma resposta

Busca